.::: BLOG DO JOTINHA :::.

O TRICORDIANO DR NORONHA, PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR DE JUSTIÇA, AGORA É TAMBÉM CIDADÃO VARGINHENSE.

novembro 2nd, 2019 · No Comments · Sem categoria

Numa concorrida cerimônia realizada no Grande salão do Júri do fórum de Varginha, o presidente do Superior Tribunal de Justiça – STJ, Dr. João Otávio de Noronha recebeu quinta-feira última o título de Cidadão Honorário do município de Varginha.

O evento, na verdade uma Sessão Solene da Câmara Municipal, teve na Mesa de Honra as presenças do homenageado e sua esposa sra. Denimar, o presidente da Câmara Municipal Dudu Ottoni, o prefeito de Varginha Antonio Silva, o juiz diretor do fórum varginhense Dr. Tarcísio Moreira de Souza, do desembargador Dr. Marcos Lincoln representando o Tribunal de Justiça, o promotor Morvan Aloisio Acaiaba de Resende representando o Ministério Público e o presidente da OAB/Varginha, Dr. Alexandre Prado.

 
Como convidados especiais o Dr. Gustavo Chanfun (ex-presidente da OAB/Varginha e ex-secretário geral da OAB/Minas), Dr. Cláudio Cosme Pereira, prefeito de Três Corações, Procurador Geral do estado Dr. Douglas Gusmão, o Coordenador Geral da Defensoria Pública da Comarca, Dr. Márcio Salgado, Padre Julio Costa representando a Diocése da Campanha, Coronel Leander Tostes, comandante da 6ª região militar da PM, Dra. Simone Carneiro Carvalho, Procuradora da República, desembargador Carlos Augusto de Barros Levenhagem, tenente-coronel Marcos Serpa de Oliveira e comandante do 24º BPM.
 
Ainda o Dr. Cristiano Souza Elói, diretor da agência da Polícia Federal de Varginha, ex-juiz Dr. Francisco Vani Benfica, Delegado Regional de Polícia Civil, Dr. Wellington Clair de Castro, sub-tenente Arlei Alberto Rehfeld, comandante do TG de Varginha e o juiz federal Sérgio Santo Melo.
Usaram a tribuna o ex-secretário geral da OAB de Minas Gerais, Dr. Gustavo Chalfun, o presidente da OAB/Varginha Dr. Alexandre Prado, Dr. Tarcísio Moreira de Souza, o desembargador Marcos Lincoln, o prefeito Antonio Silva, o presidente da Câmara Municipal e o homenageado.
 
Trocordiano de nascimento, Dr. Noronha se identifica com Varginha também por aqui ter trabalhado como advogado do Banco do Brasil, estudado e lecionado na FADIVA.
 
Biografia
João Otávio de Noronha (Três Corações, 30 de agosto de 1956)[1] é um magistrado brasileiro, ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), sendo o atual presidente desta corte, foi também corregedor nacional do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).
 
Carreira
Graduou-se Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito do Sul de Minas em 1981, com especialização em Direito do Trabalho, Direito Processual do Trabalho e Direito Processual Civil pela mesma instituição
 
Foi funcionário do Banco do Brasil de 1975 até 1984, quando se tornou advogado daquele banco, tendo sido ali consultor jurídico geral (1994-2001) e diretor jurídico (2001-2002).
 
Em 1987, foi aprovado em primeiro lugar no concurso público para o cargo de juiz de Direito de Minas Gerais, porém permaneceu na advocacia.
 
Foi professor da cadeira de Direito Processual Civil da FADIVA – Faculdade de Direito de Varginha.
 
Foi conselheiro da Seção de Minas Gerais da Ordem dos Advogados do Brasil (1993-1994) e, posteriormente, conselheiro federal da OAB (1998-2002)
 
Em 2002, foi indicado pela OAB e nomeado pelo presidente Fernando Henrique Cardoso para o cargo de ministro do Superior Tribunal de Justiça
 
Foi diretor-geral da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (ENFAM) e ministro do Tribunal Superior Eleitoral de 2013 a 2015, além de corregedor-geral eleitoral de 2014 a 2015.
 
É professor do Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB), da Escola Superior da Magistratura do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) e da pós-graduação do Centro Universitário de Brasília (UNICEUB)
 
Foi eleito em 6 de junho de 2018 presidente do STJ, para o biênio 2018-2020.
 
Na postagem algumas fotos do evento.

Tags:

No Comments so far ↓

There are no comments yet...Kick things off by filling out the form below.

Leave a Comment